Seguidores

Páginas

quinta-feira, 23 de agosto de 2012

SUMI ENCONTRA A FELICIDADE



Introdução: Queridos professores esta história enfatiza a importância de termos Jesus em nossas vidas, e de como ele é a verdadeira felicidade. Enfatizar o plano de salvação e a benção de conhecermos Jesus como nosso Senhor e salvador.

Base Bíblica: Mateus – Capitulo 5 – 1 ao 16 (lembrando que Bem-Aventurado significa mais do que feliz)

Sugerido: Esta historia também pode ser utilizada para uma Peça teatral, será de grande resultado apresentá-la em um Culto Infantil, ou em um Culto de Natal, com pequenas adaptações.

Versículo para Memorizar: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho, para que todo aquele que nEle crer, não morra, mas tenha a vida eterna”. (João 3:16)

Hora da Historia:

Sumi era uma menina que morava no Japão, um país localizado no Continente Asiático. Ela morava com seu pai, que era dono de uma loja, nesta loja havia muitas coisas bonitas. Sumi gostava de examinar cada objeto, mas sabem crianças, Sumi não era feliz, e ela esperava ansiosamente encontrar a FELICIDADE! Mas como?

Um dia, antes de abrir a pequena loja, Sumi ajudava seu pai a preparar as coisas para o clientes. Examinava os lindos vãos, sininhos brilhantes, pratos pintados com cores alegres, e suspirava profundamente.

Então seu pai lhe disse: Filha, o que você tem? Por que está tão triste?

Sumi: - Ah, papai, deseja tanto encontrar a felicidade; sinto-me tão só e triste. Não há nada que traga alegria ao meu coração.

Pai: - Na semana que vem vamos receber mercadorias novas e bem interessantes, minha filha. Com certeza, vendo-as, você ficará contente e alegre.

Sumi: Ah, espero que assim seja, meu pai! E hoje, não posso levar uma encomenda para algum cliente?

Pai: Neste momento não, filha; mas você pode passear na rua para se divertir um pouco. Poderá olhar s coisas nas vitrines, os jardins e outras coisas lindas. E Sumi, não esqueça de pensar em coisas felizes. Um grande escritor disse que o segredo da felicidade é ter pensamentos alegres. Pode ir, minha filha. Talvez você volte mais feliz.

Sumi: muito obrigada, paizinho. Voltarei logo.

A pequena saiu e andou pelas ruas admirando as coisas lindas nas vitrines. Quando chegou a uma pequena Casa de Chá, ficou encantada com ela e, logo entrou. Oh, como era bonita! As paredes estavam decoradas com muito gosto, e por toda a parte estavam almofadas em cores lindas, onde as pessoas podiam sentar-se para conversar e divertir-se tomando chá oriental em lindas xícaras pintadas com flores. E o cheiro! Sumi suspirou profundamente, sentindo o cheirinho do chá, dos doces e do perfume que enchia o ar.

Sumi: - Que lugar lindo! Casa de Chá, você é o lugar mais bonito que jamais vi.

E se a Casa de Chá pudesse falar, talvez respondesse assim:

Casa de Chá: - Acredito que você jamais viu paredes tão lindamente decoradas, almofadas tão confortáveis e xícaras tão finas como as minhas.

Sumi: - Nunca!

Ela andou ao redor admirando tudo e apreciando os perfumes. Seu coração parecia cantar de alegria.

Sumi: - Agora que encontrei você, Casa de Chá, talvez não andarei triste nunca mais.
Casa de Chá: Bem, menina, posso fazê-la feliz durante poucas horas, mas esta felicidade não durará.

O coração da Sumi se encheu de tristeza novamente. Não, a Casa de Chá não tinha a resposta para ela ser feliz. Onde poderia ela encontrar uma felicidade duradoura?

De repente, Sumi lembrou-se de que seu pai a esperava de volta. Depressa ela saiu da casa de Chá e correu pela rua até chegar à loja.

Pai: - Filha, demorou tanto. Por onde você andou?

Sumi: Desculpe, meu pai. A Casa de Chá é tão linda que me esqueci do tempo.

Pai: Casa de Chá? Esteve lá?

Sumi: Sim, meu pai.

Pai: Filha, lugares agradáveis não podem lhe dar felicidade. Você sentiu-se alegre ali, mas é uma alegria passageira.

E Sumi soube que seu pai falava a verdade, pois seu coração estava vazio.
No dia seguinte, a pequena saiu outra vez, agora para levar encomendas a alguns clientes que moravam perto. Voltando para a loja, passou por um caminho novo e descobriu um lindo jardim. Era um lugar encantador, e Sumiu arregalou seus olhos. Apressando os passos, ela entrou pelo portão e começou a passear pelo jardim.

Sumi: - Oh, que maravilha!

Jardim: - Sim, sou lindo! Tenho flores, as mais bonitas do mundo! E você, está vendo as minhas pontes arqueadas. Veja os peixinhos no riozinho! Não são lindas as arvores anãs e seus frutos coloridos?!

Sumi: - Sim, Sim, Jardim! Oh, como estou contente por tê-lo encontrado. Todas estas coisas me fazem sentir muito contente. Talvez agora não serei mais triste. Você poderá me dar a felicidade! Não poderá, Jardim?

Jardim: - Só durante um curto tempo, meu bem. Logo virá o inverno, quando as flores murcham, o fruto acabará. Você não estará feliz aqui no tempo do inverno.

Sumi: - Se você não pode realmente me fazer feliz, Jardim, talvez você possa me dar alguns frutos para levar ao grande ídolo. Quem sabe? Se eu fizer-lhe uma oferta talvez ele possa me fazer feliz!

Jardim: - Leve tudo que desejar!

Sumi encheu seus braços de flores e frutos e foi em direção ao templo do ídolo. Entrou pela porta silenciosamente, ajoelhou-se diante do ídolo e deitou sua oferta diante dele. Depois de ficar com a cabeça curvada uns minutos, Sumi olhou para cima, MS o ídolo não sorriu para ela, NE mudou a expressão de seu rosto.

Sumi: - Ídolo, tu és grande e parece ser muito forte. Não podes me fazer feliz?

Ídolo: - Não sei fazer ninguém feliz, porque eu não tenho vida. Sou apenas uma imagem feita de madeira.

Os olhos de Sumi encheram de lagrimas. Tanto esperava que o ídolo a fizesse feliz, mas ele não pode. Ela cobriu o rosto com as mãos e chorou muito. Mais tarde, Sumi saiu do templo e foi andando pela rua, seu coração estava doendo por dentro de si. Será que não existe paz e felicidade duradoura em lugar nenhum? Perguntava para si mesma.

De repente, ouviu alguém cantando, era uma musica tão doce, como jamais Sumi havia ouvido. O som vinha de uma pequena casa branca. Vendo a porta aberta, Sumi entrou por ela e olhou ao redor. Um grupo de crianças estava sentado ao chão e cantando. Sumi olhou-as com grande admiração, pensando: “Todas estas crianças tem caras tão alegres. Devem estar felizes! Vou sentar-me junto a elas”.
Terminado o cântico, uma senhora com o rosto muito simpático começou a falar à crianças. Contou-lhes de Jesus, o Filho de deus, que veio do Céu para ser o Salvador do mundo. Sumi escutou exultante! Que mensagem maravilhosa!

Professora: - Na Bíblia, que é a Palavra de Deus, aprendemos que “Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu único filho, para que todo aquele que nEle crer, não morra, mas tenha a vida eterna”. (João 3:16).

Sumi: - Professora, Deus ama a mim também?

Professora: - Sim, meu bem. Ele ama você e a mim e a todos. Ama-nos tanto que mandou seu próprio filho, Jesus, a morrer em nosso lugar. Fez isto para podermos ter a vida eterna. Quem quiser pode recebe-lO como seu Salvador.

Sumi olhou ao redor, vendo as outras crianças novamente. Devi ser por isso que estavam tão contentes. Com certeza já tinha recebido Jesus em seus corações.
Quando a professora pediu que quem quisesse receber Jesus em seu coração ficasse depois da aula para falar com ela, Sumi resolveu ficar. As outras crianças foram saindo, mas ela permaneceu.

Professora: - Não é maravilhoso, Sumi, saber que Jesus quer nos dar a vida eterna?

Sumi: - É por isso que a senhora é tão contente?

Professora: - Sim, eu também recebi o Senhor Jesus. Ele entrou em meu coração e perdoou meus pecados e me deu grande alegria.

Sumi: - Sei agora que é por causa dos meus pecados que não sou feliz. Eu também quero ter Jesus como meu Salvador!

Assim, Sumi abaixou a cabeça e convidou o Senhor Jesus para entrar em seu coração. Ela pediu que Ele a perdoasse de todos os seus pecados. Logo depois olhou alegremente para a professora.

Sumi: - Esta alegria que Jesus dá é uma alegria duradoura? Para sempre? Ou irá embora depois, assim como a alegria que encontrei na Casa de Chá e no Jardim?

Professora: A alegria que o Senhor Jesus nos dá é uma alegria eterna, dura para sempre. Em João 16:22 a palavra de Deus nos diz: “que a nossa alegria ninguém tirará”. Jesus, nosso Salvador, ressuscitou dos mortos, Ele está vivo e vive, também, no coração de cada um que confia nEle. Jesus é nossa alegria, Sumi. Ele estará conosco para sempre. E você poderá conhecê-lo melhor, Sumi, através de sua Palavra. Volte a semana que vem para ouvir outra historia de Jesus.

Sumi prometeu e, depois, foi correndo ao encontro de seu pai e entrou na loja, cantando alegremente. O pai olhou para ela com grande admiração.

Pai: - Que foi filha? Está tão contente? Tem um olhar tão alegre, o que foi que aconteceu?

Sumi: - Ah, meu pai, hoje, entrei numa pequena casa onde muitas crianças estavam cantando. Ali aprendi acerca de Jesus, o Filho de Deus, que me ama e morreu pelos meus pecados. Agora, Ele é meu Salvador, pois eu convidei-O para entrar em meu coração. Ele está em meu coração agora, é por isso que não estou mais triste e não me sinto mais sozinha. A Casa de Chá não me deu alegria que durasse para sempre, em o lindo jardim, nem tão pouco o ídolo. Mas esta alegria que agora sinto, ela sim é para sempre.

Pai: - Sabe, filha, eu também gostaria de ouvir mais sobre este Jesus. Acha que eu também podia recebê-lo como meu Salvador e ter esta alegria que dura para sempre?

Sumi: - Sim, meu pai. A professora leu no próprio livro de Deus, e me ensinou que no livro de João 16:22 diz: “que a nossa alegria ninguém tirará”.

Sumi e seu pai, naquele dia, oraram juntos, pela primeira vez, pedindo que Jesus estivesse sempre em seus corações e que esta alegria jamais fosse embora.

Hoje crianças, como aquela professora perguntou a Sumi, eu pergunto a cada um de vocês: Você quer receber Jesus como seu Senhor e salvador em seu coração, para ter seus pecados perdoados? Assim, Ele virá viver em seu coração, como vive no meu, e Ele lhe dará uma alegria que jamais acaba. Você sentirá uma paz em seu coração e em sua alma.








fonte:http://coracaodecriancacampomissionario.blogspot.com.br

0 comentários:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...